The 4 Freedoms Library

It takes a nation to protect the nation

Quantas faces tem o Islão em Portugal?

Revista Al-Furqán, dirigida pelo sr. Yossuf Adamgy, edição nº 41, correspondente aos meses de Janeiro/Fevereiro de 1988. Nessa edição, pode ler-se um artigo assinado pelo Xeque Aminuddin Mohamad, que foi conselheiro espiritual da Comunidade Islâmica de Lisboa (agora presidida pelo banqueiro Abdul Karim Vakil) e actualmente é um dos mais importantes líderes espirituais muçulmanos de Moçambique. Foi, aliás, nessa qualidade, que o referido Xeque lançou um boicote ao semanário Savana, por este ter publicado as famosas caricaturas dinamarquesas.

 

Título do artigo da Al-Furqán: “Será que os judeus são dotados de humanidade?”. Uma breve passagem desse mesmo artigo:”O judeu não possui boas qualidades; não conhece a misericórdia, nem a simpatia; odeia toda a gente que não seja judeu (…) está demonstrado que as qualidades dos judeus são desumanas (..)”. A argumentação é baseada em frases retiradas da Tora e do Velho testamento. O artigo termina com a seguinte conclusão: “Por consequência, os judeus são inimigos de todos aqueles que não o são, e procuram fazer-lhes todo o mal possível. Talvez tenha sido por isso que Hitler quis aniquilar este maldito povo”.

O sr. Yossuf Adamgy é o exemplo de um muçulmano? Quando fala aos jornais e à televisão, prega a tolerância. Na sua revista, apela ao ódio racial. No seio da sua comunidade, longe dos nossos olhares de “cafres”, o que fará o sr. Yossuf? A quem dará abrigo? A quem dará apoio? A quem ajudará? Que ideias defenderá o sr. Yossuf, no remanso tranquilo da Mesquita de Lisboa, ao lado dos seus amigos, Xeque Munir e Xeque Daud Ismael?

O que teria o Procurador-Geral da República a dizer ao conteúdo do artigo da Al-Furqán, perante as leis nacionais e a Constituição portuguesa, caso não tivesse já prescrito o crime ali cometido? Aliás, o sr. Yossuf tinha uma página no seu site onde listava todas as mesquitas, escolas islâmicas, madrassas e lugares de culto muçulmanos em Portugal. Depois de um jornal, O Independente, ter desmascarado a existência de uma escola religiosa fundamentalista, dirigida pelos Tabliqh Jamat, a funcionar com a cobertura da Escola Islâmica de Palmela (reconhecida pelo Ministério da Educação), o sr. Yossuf apagou essa página do seu site.

E se duvidam do facto de que o Islão tem duas faces, aqui em Portugal, visitem este site da Comunidade Islâmica da Web. Aproveitem, porque depois desta polémica, estou certo de que o engenheiro Tayeb Habib vai fechar o site a visitantes – mais uma prova de que os muçulmanos não têm nada a esconder de ninguém…

Tags: Zfreespeech, Zportugal

Exibições: 52

Monitor this Page

You don't have to be a member of 4F to follow any room or topic! Just fill in on any page you like.

Privacy & Unsubscribe respected

Muslim Terrorism Count

Thousands of Deadly Islamic Terror Attacks Since 9/11

Mission Overview

Most Western societies are based on Secular Democracy, which itself is based on the concept that the open marketplace of ideas leads to the optimum government. Whilst that model has been very successful, it has defects. The 4 Freedoms address 4 of the principal vulnerabilities, and gives corrections to them. 

At the moment, one of the main actors exploiting these defects, is Islam, so this site pays particular attention to that threat.

Islam, operating at the micro and macro levels, is unstoppable by individuals, hence: "It takes a nation to protect the nation". There is not enough time to fight all its attacks, nor to read them nor even to record them. So the members of 4F try to curate a representative subset of these events.

We need to capture this information before it is removed.  The site already contains sufficient information to cover most issues, but our members add further updates when possible.

We hope that free nations will wake up to stop the threat, and force the separation of (Islamic) Church and State. This will also allow moderate Muslims to escape from their totalitarian political system.

The 4 Freedoms

These 4 freedoms are designed to close 4 vulnerabilities in Secular Democracy, by making them SP or Self-Protecting (see Hobbes's first law of nature). But Democracy also requires - in addition to the standard divisions of Executive, Legislature & Judiciary - a fourth body, Protector of the Open Society (POS), to monitor all its vulnerabilities (see also Popper). 
1. SP Freedom of Speech
Any speech is allowed - except that advocating the end of these freedoms
2. SP Freedom of Election
Any party is allowed - except one advocating the end of these freedoms
3. SP Freedom from Voter Importation
Immigration is allowed - except where that changes the political demography (this is electoral fraud)
4. SP Freedom from Debt
The Central Bank is allowed to create debt - except where that debt burden can pass across a generation (25 years).

An additional Freedom from Religion is deducible if the law is applied equally to everyone:

  • Religious and cultural activities are exempt from legal oversight except where they intrude into the public sphere (Res Publica)"

© 2018   Created by Netcon.   Powered by

Badges  |  Report an Issue  |  Terms of Service